Diferença entre os modelos de Baterias

Conheça os detalhes envolvendo cada tipo de bateria.

Diferença entre os modelos de Baterias

Baterias Automotivas X Baterias Estacionárias


Para começar vamos definir cada um dos modelos de baterias. A Automotiva, como o nome já diz, é uma bateria projetada para ser utilizada em carros, e não em nobreaks, e tem uma vida útil média de até dois anos.  Enquanto que as baterias estacionárias são feitas com um material mais nobre, melhores para uso em nobreaks e são feitas para durarem mais tempo do que a automotiva.

Pelo fato de a bateria estacionária ser feita com outros materiais melhores e por ter uma durabilidade maior, ela é encontrada no mercado a um valor bem acima da automotiva, isso faz com que muitas pessoas comprem da bateria automotiva para bancos de baterias externa. Porém, não recomendamos, como dito antes, a bateria automotiva foi projetada para carros, não para nobreaks, o que em muitos casos acaba acarretando em problemas no carregador do nobreak ou do banco de baterias.

Outro ponto importante que devemos considerar é a emissão de gases tóxicos pelas baterias. Ambos os modelos emitem basicamente hidrogênio e vapor de ácido sulfúrico, principalmente durante o processo de carga. Nos carros este “vapor” é rapidamente dispersado, pois a bateria fica embaixo do capô separado da cabine dos passageiros. Já em uma empresa, onde o no-break geralmente fica dentro da sala dividindo espaço com outras pessoas, isto pode causar sérios problemas de saúde, dependendo da quantidade de baterias e ventilação do ambiente, por isso recomendamos que os bancos de baterias que utilizem baterias estacionarias fiquem do lado de fora.

Obs.: Com exceção dos bancos de baterias seladas, que no caso, devem ficar em locais bem mais frios, além de que não emitem nada prejudicial.

.:.
Baterias automotivas:

Estas baterias, por serem fabricadas com placas finas de chumbo em grande quantidade, quando comparada as estacionárias, tem maior superfície de contato, que fornece uma corrente (ampéres) maior, no entanto, sua degradação é bem mais rápida.

Estas baterias são projetadas para estarem sempre carregadas e fornecer grande quantidade de corrente em um curto periodo (usado para dar partida no motor automotivo). Além do mais, elas precisam estar funcionando sempre em movimento sendo chacolhadas, por conta de sua química interna.

.:.
Baterias estacionárias:

As baterias estacionárias, ao contrario da automotiva, são projetadas para estarem paradas, “estacionadas”, e também para descargas profundas. No caso, sendo mais apropriadas para sistemas UPS (nobreak), centrais telefônicas, sinalização, iluminação de emergência, energia solar, energia eólica, monitoramento remoto, alarmes, vigilância eletrônica, subestações elétricas, bancos, telecomunicações, bancos de dados, entre outros. Sendo feitas com materiais mais nobres, acabam tendo uma vida útil mais elevada, chegando a durarem 4 a 5 anos dependendo do ambiente em que estão e da ventilação.

A temperatura, se tratando de qualquer bateria, é primordial para seu funcionamento e durabilidade, por isso é importante verificar sempre com o fabricante a temperatura e ventilação ideal. No caso das baterias estacionárias, o ideal são 25ºC.

Seus eletrodos são mais espessos que as automotivas e são feitas com chumbo de melhor qualidade, com liga chegando a 95% ou mais de pureza. E podem sofrer até 80% de descarga sem prejudicar sua vida útil, e suportam quantidade maior de ciclos de carga e descarga. 

.:.

Tabela comparativa de baterias Automotivas X Estacionárias:

                Automotiva                   Estacionária
Espessura das placas de chumbo 1mm 8mm
Descarga máxima permitida 10% 80%
Vida útil média 2 anos 4-5 anos
Tipo de conector Borne automotivo Orifício p/ parafuso
Emissão de gases tóxicos Sim Sim

.:.


Contudo, percebe-se ao observar as principais diferenças entre os dois tipos de baterias que uma é feita especificamente para dar partida em motores e manter sempre a carga máxima ou algo próximo a ela, enquanto a outra é feita para ser utilizada durante horas e gradativamente, da mesma forma que baterias de telefones celulares, lanternas, etc.

Tecnicamente falando, não há por que uma bateria automotiva não funcionar em nobreak, mesmo comparando baterias de mesma voltagem, porém sua vida útil será muito pequena se compararmos com esta mesma bateria estacionária.

Você terá a falsa sensação de estar protegido, quando na verdade suas baterias podem estar com poucos minutos de autonomia, e o pior de tudo é descobrir isto justamente na hora que você mais precisa delas, no caso de falta de energia elétrica.

O investimento em baterias estacionárias sempre é a melhor opção custo-benefício para nobreaks e outros sistemas com características similares.

Sem comentários

Publique um comentário

Comentário
Nome
E-mail
Website